Zaporizhzhia: "Não vejo muita racionalidade nem uma tentativa ucraniana de fazer um golpe de mão"

9 ago, 12:57

O coronel Mendes Dias esclarece que "não estão a haver combates em Zaporizhzhia", uma vez que esta zona "fica muito longe da linha da frente". "Pode ter havido bombardeamentos, mas não há combates em Zaporizhzhia"

Europa

Mais Europa

Patrocinados