Zaporizhzhia: AIEA alerta para risco crescente de um acidente

Jornalista na secção de Internacional da TVI desde Novembro de 2012. Trabalhou na tvi24.pt e na editoria Newsdesk da estação desde a abertura do canal. Esteve no jornal electrónico Portugal Diário de 2006 a 2009, depois de dois anos e meio no jornal Público, onde estagiou e foi jornalista nas secções Público.pt e Desporto. Em 2008, ganhou o primeiro prémio em Videojornalismo do Observatório de Ciberjornalismo da Universidade do Porto, com o repórter de imagem Paulo Sampaio. Frequentou o curso de Teologia na Universidade Católica Portuguesa, em Lisboa, entre 1996 e 1999. Em 2004, licenciou-se na mesma universidade em Comunicação Social e Cultural.



9 set, 22:05

A Agência Internacional de Energia Atómica alertou que as condições na central nuclear de Zaporizhzhia são cada vez mais precárias e que é necessário criar uma zona de segurança para evitar bombardeamentos na área e um acidente nuclear. Um aviso que acontece quando a Ucrânia reivindica que já reconquistou mais de mil quilómetros quadrados de território desde o início do mês, avanços confirmados por um responsável russo.

Europa

Mais Europa

Patrocinados