Visita de Putin "não é uma escolha inocente. A China é prioritária para a Rússia"

16 mai, 15:59

"A primeira visita de um chefe de Estado a um país estrangeiro é sempre feita a um aliado de primeira linha", sublinha Tiago André Lopes. "E agora nós temos a confirmação de que a China é de facto prioritária para a Rússia. Vladimir Putin poderia ter optado por um dos seus aliados do mundo eslavo ou do espaço pós-soviético, e opotou por ir à China. Não é uma escolha inocente."

Comentadores

Mais Comentadores

Mais Vistos

Patrocinados