UE condena manobras militares "agressivas" da China

4 ago, 23:35

A União Europeia condena as manobras militares da China no Estreito de Taiwan, que considera "injustificadas". Também o Secretário-Geral da NATO disse que a reação chinesa à visita de Nancy Pelosi é "exagerada". Os EUA dizem estar "preparados para agir" se o conflito se agravar.

Ásia

Mais Ásia

Patrocinados