Trabalhava 16 horas por dia, sem folgas e só ganhava 50€. Casal detido em Espinho por escravizar mulher

29 nov 2022, 14:08

Um casal é suspeito de ter escravizado uma mulher de 29 anos. A vítima trabalhava 16 horas por dia, só fazia uma refeição, não folgava e ganhava 50 euros.

Quando foi libertada pelas autoridades, a mulher teve de ser hospitalizada. Os suspeitos foram detidos, mas depois de serem presentes a um juiz, ficaram em liberdade.

Crime e Justiça

Mais Crime e Justiça

Mais Vistos

Patrocinados