"Tem havido um grande aumento da criminalidade". Miguel Cunha vive em Nova Iorque há quatro anos

12 abr, 19:00

Miguel Campos e Cunha é português e trabalha em Nova Iorque há quatro anos. Vive atualmente em Manhattan e afirma que "não é normal haver tiroteios", mas que "tem havido um grande aumento da criminalidade", sobretudo nas zonas de metro. Terá levado a que muitos optassem por não usar o transporte público. "Têm medo, especialmente nos arredores de Manhattan".

E.U.A.

Mais E.U.A.

Patrocinados