Tecto no crédito à habitação. PCP acredita que “não há alternativa” até proposta “ser consagrada”

1 abr 2023, 15:59

Paulo Raimundo está presente na manifestação pelo acesso à habitação que se realiza este sábado em sete cidades portuguesas. Em Lisboa, o secretário-geral do PCP critica a falta de ação do governo e acusa-o de achar que apenas “conta” dar “mais benefícios fiscais para fundos imobiliários e mais fundos públicos para continuar a alimentar a especulação”.

O comunista diz que o partido irá continuar a defender a proposta de um tecto no crédito à habitação, mas defende que a manifestação que acontece este sábado “dá força” a essa mesma proposta. “Não há alternativa até ser consagrada”, diz.

Política

Mais Política

Mais Vistos

Patrocinados