“Rússia e Ucrânia continuam muito focadas no teatro de operações”. Mas “prudência exige apoio às vítimas” do colapso da barragem

8 jun, 22:25

Sónia Sénica, comentadora da CNN Portugal, considera que “a questão da responsabilização” pelo ataque à barragem de Kakhovka “vai manter-se em aberto”, mas que “a prudência, nesta fase, exige que se avance com o apoio às vítimas e àquilo que já é considerado uma catástrofe dentro de catástrofe”.

Embora Kherson esteja agora no centro das atenções - sendo ainda alvo de ataques, mesmo durante o processo de resgate de pessoas e animais -, a especialista afirma que “Rússia e Ucrânia continuam muito focadas no teatro de operações”, embora a Ucrânia continua a desmentir o início a contraofensiva, mesmo que o ISW diga que já indícios mais fortes de que já está em curso.

Comentadores

Mais Comentadores

Mais Vistos

Patrocinados