Rui Tavares encontrou a "cura para a prisão perpétua", mas Rodrigues dos Santos diz que quer "eutanasiar" a economia. O debate em três minutos

Licenciada em Ciências da Comunicação pela Universidade Fernando Pessoa, no Porto. Depois de três anos como repórter multimédia no Jornal de Notícias deixou a cidade onde nasceu para trás, iniciando uma desafiante viagem até ao centro-sul do país, onde pretende dar continuidade ao seu trabalho. Aos 26 anos procura inserir a sua marca no universo digital da CNN portuguesa. Mulher de causas, usa a voz para combater a desinformação e o inconformismo, e conta com a ajuda de dois braços direitos: a caneta e a câmara de filmar.
11 jan, 02:12

O Rendimento Básico Incondicional foi novamente alvo de escrutínio, desta vez entre Rui Tavares e Francisco Rodrigues dos Santos. O fundador do Livre afirma que a medida aparenta ser "a melhor cura para a prisão perpétua", referindo-se à proposta do Chega que esteve em discussão nos primeiros confrontos. Quem não ficou convencido foi o líder do CDS, que acusou Rui Tavares de querer "eutanasiar" a economia do país.

Num debate que trouxe para cima da mesa questões como a ideologia de género nas escolas, a religião e as touradas, até o "fantasma" de Joacine Katar Moreira esteve presente. 

VEJA MAIS:

Partidos

Mais Partidos

Patrocinados