Quase 100 russos morrem em ataque ucraniano. Moscovo culpa... telemóveis

Jornalista TVI e TVI24.
4 jan, 21:51

O bombardeamento a uma instalação militar da Rússia na região de Donetsk não encontra paralelo no resto da guerra. Foi mesmo a primeira vez que Moscovo confirmou um elevado número de baixas: 89. O ataque a Makiivka continua a ser investigado.

Europa

Mais Europa

Mais Vistos

Patrocinados