Psicólogo alerta que "há um risco enorme" de surgirem novos casos semelhantes ao atentado travado na Universidade de Lisboa

11 fev, 21:52

 

O diretor da Clínica Psicológica de Desenvolvimento Humano, Américo Batista, salientou esta sexta-feira o efeito do mimetismo no caso do jovem que planeou um atentado à faculdade.

Isto porque, explicou, "quando um comportamento agressivo é mostrado repetidamente e exaustivamente nos meios de comunicação social, esse comportamento é imitado".

"Isto fez crescer exponencialmente a possibilidade de estes eventos, que até agora eram um epifenómeno, se tornarem uma realidade", assinalou

País

Mais País

Patrocinados