"Pena não é adequada para uma fraude que matou 346 pessoas". Famílias das vítimas contra o acordo da Boeing

11 jul, 12:50

A empresa Boeing declarou-se culpada da acusação de conspiração para enganar os Estados Unidos e, eventualmente, pagar até 480 milhões de dólares em multas para evitar ser processada por dois acidentes que provocaram a morte de mais de 340 pessoas, que estavam a bordo de dois aviões Max.

A Boeing confirmou ter chegado a um acordo com o departamento de Justiça e disse ter desenvolvido um plano de segurança abrangente. Mas a multa é uma fração dos 24,8 mil milhões de dólares que as famílias das vítimas querem que a empresa de aviões pague.

Uma reportagem da CNN Internacional.

E.U.A.

Mais E.U.A.

Mais Vistos

Patrocinados