Pedro Santos Guerreiro: "Não podemos querer que toda a UE se mobilize para uma bazuca e depois não fazermos parte de um esforço coletivo"

3 ago, 23:55

Pedro Santos Guerreiro considera que, para Portugal, "o peso de uma redução do gás russo é apenas uma gota no oceano", uma vez que o país não está dependente do mesmo. Lembra ainda que 19% da população portuguesa sofre de pobreza energética, levando a que se consuma menos energia nas casas do que, por exemplo, na Alemanha. Por outro lado, o diretor-executivo da CNN Portugal defende que "não podemos querer que toda a União Europeia se mobilize por exemplo para uma bazuca, e depois não querermos fazer parte de um esforço coletivo que estamos a tomar, em relação à redução do consumo de gás em toda a Europa".

Comentadores

Mais Comentadores

Patrocinados