Pedro Nuno Santos ainda pode ser sucessor de Costa e candidato a primeiro-ministro: "A forma como sai, permite-lhe continuar a manter a esperança"

Comentador
29 dez 2022, 08:52

"Todo o texto foi politicamente construído a pensar exatamente neste momento: proteger as condições de candidatura alternativa", diz António Costa em análise ao comunicado apresentado por Pedro Nuno Santos para a sua demissão. O comentador da CNN Portugal diz que o ex-ministro das Infraestruturas vai ter tempo para o fazer, e "não perdeu nada do que é relevante dentro do Partido Socialista". 

Comentadores

Mais Comentadores

Patrocinados