Palavras de Xi Jinping foram recebidas com "grande preocupação" e podem indiciar "uma nova aposta no arsenal nuclear chinês"

Correspondente em Tóquio
19 out, 09:21

Há duas afirmações que marcam o Congresso do Partido Comunista Chinês e que foram ditas pelo presidente Xi Jinping: a promessa de investir numas forças armadas de classe mundial; e ainda o não abdicar da hipótese de recorrer à força para anexar Taiwan.

Filipe Santos Costa, correspondente da CNN Portugal em Tóquio, disse que estas mensagens têm sido recebidas com "grande preocupação" um pouco por toda a Ásia e têm sido "analisadas com grande detalhe" quer pelos governos, como pela comunicação social.

Os analistas consideram que a promessa de estabelecer um sistema forte de dissuasão estratégica, "indicia uma nova aposta no arsenal nuclear chinês".  

Ásia

Mais Ásia

Patrocinados