"Os macronistas não têm muitas razões para estarem tristes"

7 jul, 23:41

Olhando para os resultados das eleições francesas, e que ditaram a vitória da Nova Frente Popular, Francisco Assis considera que “houve de facto aqui uma rejeição” da candidatura do Reagrupamento Nacional. Para o eurodeputado eleito pelo PS, o presidente Emmanuel Macron, que foi o grande responsável pela realização destas eleições antecipadas, não saiu totalmente a perder. “Os macronistas não têm muitas razões para estarem tristes. E julgo que o presidente Mactron não está especialmente triste”.

Europa

Mais Europa

Mais Vistos

Patrocinados