"O problema na Saúde é essencialmente um problema de gestão", disse Centeno em 2017. Cinco anos depois a opinião mantém-se

20 jun, 14:40

"Estamos a  falar de um setor que hoje emprega no Estado mais de 150 mil trabalhadores", diz Mário Centeno sobre o Serviço Nacional de Saúde. "Funciona em rede, necessariamente, e boa parte do debate que existe no setor é precisamente sobre a gestão dessa rede". O presidente do Banco de Portugal afirmou em 2017 que "o problema na Saúde é essencialmente um problema de gestão" e hoje explica que não vê "nenhuma razão" para que o seu ponto de vista tenha mudado. 

Economia

Mais Economia

Patrocinados