"O Hamas continua a dar luta e ainda não está destruído": morte do número dois "não é um game changer"

Major-general, especialista em assuntos militares
3 jan, 11:43

O major-general Carlos Branco afirma que a morte do número dois do Hamas não muda nada, porque, como diz, “mata-se um e aparece outro”. O comentador da CNN Portugal garante que há o risco de escalada do conflito, que não está, no entanto, relacionado com este ataque. 

Comentadores

Mais Comentadores

Mais Vistos

Patrocinados