“O culminar do fim de uma era, a era Isabelina”. João Távora destaca “silêncio impressionante” que cobriu Londres

19 set, 18:53

João Távora, presidente da Real Associação de Lisboa, considerar que as exéquias fúnebres de Isabel II, desta segunda-feira, marcam o “fim de uma era, a era Isabelina”. O especialista considera que este é um marco da história mundial e realça o modo como os britânicos estão a lidar com a morte da monarca.

Europa

Mais Europa

Patrocinados