No Barlavento algarvio, barragens só têm 11% da água que conseguem armazenar

4 ago, 21:33

Com as barragens portuguesas cada vez mais vazias, a seca em Portugal agrava-se. A prolongada falta de chuva está a degradar os solos. As barragens do Tejo, Mondego e Sado tiveram as descidas mais acentuadas dos níveis de água em julho. Um dos casos mais graves está no rio Lima, onde as barragens têm apenas 17% da água que podem armazenar. No Barlavento algarvio, essa percentagem é ainda menor

País

Mais País

Patrocinados