Navios russos fazem exercícios de fogo real no Atlântico após "provocações" dos aliados da Ucrânia

Jornalista da Editoria de Internacional
12 jun, 14:01

O Kremlin culpa os EUA e os aliados europeus pelas provocações que levaram os russos a avançar para exercícios nucleares táticos. A segunda fase destas manobras começou na terça-feira, dia marcado também pelo treino em pleno Oceano Atlântico de dois navios da marinha russa - ambos capacitados para lançar armas atómicas.

Europa

Mais Europa

Patrocinados