"Não há uma cultura de Estado de direito nas instituições que governam o futebol"

21 dez 2021, 00:31

Miguel Poiares Maduro foi o entrevistado de Rui Santos, que recordou os dez meses que esteve no Comité de Governação da FIFA, dizendo que deixou as funções por cumprir o dever e não ceder às pressões.

Comentadores

Mais Comentadores

Patrocinados