Morreu o rato "herói" que salvou inúmeras vidas ao detetar mais de cem minas

12 jan, 10:45

Morreu o rato "herói" que detetava minas e outros explosivos, no Camboja. O roedor chamava-se Magva e ao longo dos 8 anos de vida detetou mais de 100 explosivos.

Morreu esta terça-feira de causas naturais. Apelidado de "rato herói", chegou a vencer uma medalha de ouro atribuída por uma instituição de caridade veterinária pelo serviço prestado ao país.

Ásia

Mais Ásia

Patrocinados