Madeirenses procuram mais gás solidário. Mas nem todos podem candidatar-se

Correspondente CNN Portugal na Madeira
7 nov, 15:03

Chama-se programa Gás Solidário e chega a 700 famílias da região autónoma da Madeira. A iniciativa, lançada em 2021, é do governo regional. Nasceu para ajudar as famílias com carências financeiras na compra de gás para uso doméstico, butano e propano, seja em garrafa ou canalizado. A procura por este programa subiu cerca de 72%, face ao ano passado. Mas só podem candidatar-se as famílias, da Madeira e do Porto Santo que já beneficiam da tarifa social de energia elétrica. No final do mês, podem poupar assim até 10 euros na fatura do gás. Na Madeira, uma garrafa de gás de 13kg custa 29 euros e 35 cêntimos. A mesma garrafa, nos Açores, tem o preço de 18 euros e 30 cêntimos. 

País

Mais País

Patrocinados