Lisboa e Porto passam a ter unidades móveis de atendimento da PSP. Medida faz parte do plano de modernização das forças de segurança que não prevê a contratação de mais agentes

28 jul, 21:28

Ministério da Administração Interna afirma que a vontade dos portugueses é que existam mais polícias nas ruas em vez de estarem nas esquadras. 

Lisboa e Porta passam assim, a ter unidades móveis de atendimento da PSP, sendo que cada unidade terá dois agentes. O governo anunciou ainda um investimento de 607 milhões de euros para melhorar infraestruturas da PSP e da GNR até 2026. 

Governo

Mais Governo

Patrocinados