José Palmeira: "Não sabemos até onde Vladimir Putin está disposto a ir"

6 mai, 21:02

O professor de Ciência Política e Relações Internacionais analisa a decisão de alargamento do prazo a alguns países para arranjar alternativas ao petróleo russo: "Solução de compromisso não é ideal, mas apesar de tudo, também não compromete e a Rússia sabe que a médio e a longo prazo haverá um corte efetivo". 

José Palmeira acredita que é difícil perspetivar sobre as ações do Kremlin, mas que o dia 9 de maio será importante para uma demonstração de força militar. "Certamente que isto será um momento de exibicionismo dessa força e dessa capacidade nesse desfile militar", e frisa a importânica para Putin da vitória no complexo industrial de Azovstal.

Comentadores

Mais Comentadores

Patrocinados