Jornada Mundial da Juventude: autarquias passam a poder fazer contratos por ajuste direto. Especialistas temem "trafulhices"

25 ago, 21:55

A Jornada Mundial da Juventude vai ter um tratamento especial para simplificar as contratações necessárias. O evento que será presidido pelo Papa Francisco está agendado para agosto do próximo ano e para acelerar as obras necessários o Orçamento do Estado prevê uma norma de exceção que permite adjudicações diretas ou dispensa de fiscalização prévia do Tribunal de Contas.

Os especialistas dizem que é preciso estar atento a estes ajustes diretos, porque deixam sempre terreno para que irregularidades e corrupção sejam cometidas.

Governo

Mais Governo

Patrocinados