João Gonzalez: "Não faço a mínima ideia do que é que diria se ganhasse um Óscar. Para nós, é óptimo simplesmente estar nomeado"

24 jan, 16:21

João González, o realizador de "Ice Merchants", o primeiro filme português nomeado para um Óscar, confessa que ainda está um bocadinho atordoado com esta nomeação: "Não sei o que é que vem daqui para a frente, ainda não tive muito tempo para processar, mas sem dúvida vai ser um mês bastante atribulado", diz à CNN Portugal. 

Sobre a possibilidade de subir ao palco do Dolby Theatre, em Los Angeles, a 12 de março, o realizador confessa que ainda nem pensou nisso: "Não faço a mínima ideia do que é que diria se ganhasse um Óscar. Para nós, é óptimo simplesmente estar nomeado".

"Uma coisa que me interessa no cinema de animação é a capacidade de criar uma realidade do zero, interessa-me usar essas realidades que são irreais para falar sobre temas que me preocupam. Neste caso, é um filme sobre a perda. Já todos sentimos perda de alguma forma", diz. Fazer um filme, "é sempre uma forma terapêutica de descobrir um bocado mais sobre mim e perceber a minha relação com os tópicos que abordo".

Cinema

Mais Cinema

Mais Vistos

Patrocinados