Hospital de Santa Maria: unidade de cuidados intensivos respiratórios fechada por falta de médicos

30 jun, 14:42

A unidade de cuidados intensivos respiratórios do Hospital Santa Maria, em Lisboa, está fechada. A informação é avançada pelo sindicato dos médicos, que diz que o serviço não tem médicos especialistas suficientes e que tal levou a que oito camas da unidade dos cuidados intensivos respiratórios deste hospital estejam ‘encerradas’. 

Foi feito um contacto telefónico com o Hospital Santa Maria e a unidade desmentiu esta situação. Depois, por escrito, sublinhou que os doentes críticos de foro respiratório têm resposta assegurada dentro do centro hospitalar tanto no serviço de pneumologia como no serviço de medicina intensiva. 

País

Mais País

Patrocinados