“Há sinais preocupantes sobre o destino destes prisioneiros”. Helena Ferro Gouveia teme represálias contra soldados Azov

18 mai, 23:53

Os cerca de mil homens do Batalhão Azov que resistiam à ofensiva russa na siderúrgica de Azovstal baixaram as armas e entregaram-se às tropas do Kremlin. Helena Ferro Gouveia lembra que “há muitos sinais preocupantes” sobre o que vai agora acontecer a estes militares.

Europa

Mais Europa

Patrocinados