Guerra na Ucrânia trouxe 101 nacionalidades de refugiados a Portugal. Estas são as histórias de Kuljinder, Jasmine e Obi

Jornalista desde 2013, debruçando-se sobre as áreas da Política, Economia e Cultura. Passou pelas redações do Negócios, RTP e Açoriano Oriental. É formado em Ciências da Comunicação e Curadoria de Arte.
24 ago, 17:34

A guerra na Ucrânia fez chegar a Portugal refugiados de 101 nacionalidades diferentes. Ao todo, são 9625 os refugiados vindos do país invadido mas que não têm nacionalidade ucraniana. São estrangeiros que estavam a viver, estudar ou trabalhar na Ucrânia. É o caso da família de Kuljinder Singh, de origem indiana, que deixou Irpin e está agora a viver em Carrazeda de Ansiães. Já o nigeriano Obi James procurou o sonho do futebol em Kiev mas o conflito trouxe-o até Portugal, inspirado por um dos seus ídolos dentro das quatro linhas.

 

Europa

Mais Europa

Patrocinados