Governo alemão "está a acautelar em duas frentes: quer manter o apoio à Ucrânia, mas não pode perder as eleições"

20 jan, 19:34

Os ministro da Defesa dos vários membros da NATO encontraram-se esta sexta-feira na Alemanha, na base de Ramstein, onde acordaram novos apoios de ajuda militar à Ucrânia. 

Por outro lado, o Governo alemão adiou a decisão sobre o fornecimento de tanques de combate Leopard 2 a Kiev, afirmando que vai rever as reservas e disponibilidade deste material.

O comentador da CNN Portugal Tiago André Lopes lembra que uma sondagem recente dá conta que a maioria dos alemães se opõe ao envio dos tanques de guerra e explica o "impasse" em que se encontra o Governo: por um lado, pressionado pela comunidade internacional, por outro, pela própria população que decidirá as próximas eleições estatais.

Comentadores

Mais Comentadores

Patrocinados