Galamba estava "convicto" que não, mas greve na TAP avança mesmo

19 jan, 15:21

Os associados do Sindicato Nacional do Pessoal de Voo da Aviação Civil rejeitaram, em assembleia-geral, a proposta da TAP e decidiram manter o pré-aviso de greve entre os dias 25 e 31 de janeiro, segundo fonte oficial. Isto depois de o ministro das Infraestruturas, João Galamba, ter dito que estava "convicto" de que tal não iria acontecer.

Empresas

Mais Empresas

Mais Vistos

Patrocinados