Ferti-ox: Estudo com oxigenoterapia poderá ajudar no aumento da fertilidade

14 abr, 21:03

A Marinha Portuguesa participa num estudo de fertilidade inovador. Chama-se Ferti-ox e pretente provar que tratamentos com recurso a oxigenoterapia têm resultados positivos na ovulação de mulheres inférteis que já tentaram tudo, mas não conseguem engravidar. A câmara hiperbárica pode ser um caminho. 
 

Vida Saudável

Mais Vida Saudável

Patrocinados