Expulsão de diplomatas portugueses: Costa critica Rússia por “retaliação sem motivo”

19 mai, 21:29

A expulsão de cinco diplomatas portugueses colocados em Moscovo é uma retaliação "sem motivo" da Federação Russa, considera o primeiro-ministro. António Costa reagiu, na Roménia, à decisão, comunicada esta quinta-feira à embaixadora portuguesa na Rússia, sublinhando que os funcionários russos expulsos de Portugal, apesar do estatuto de diplomatas, não exerciam essas funções.

Novo Governo

Mais Novo Governo

Patrocinados