Exclusivo: TAP vai pagar por aviões parados. Companhia gasta mais de 20 milhões para renegociar contrato do tempo de Neeleman

22 out, 20:44

A TAP vai gastar mais de 20 milhões de euros com a renegociação dos 8 aviões ATR contratados durante a administração de David Neelman à sua própria empresa: a brasileira Azul.

Em causa está a redução de 8 para dois aviões, que irão ser retirados da operação feita até agora pela portuguesa White e entregues a uma empresa de aviação da Estónia que esteve à beira da falência.

A White contesta o que considera ser um mau ato de gestão por parte da companhia aérea portuguesa, que irá pesar ainda mais nos bolsos dos contribuintes e que atira para o desemprego 120 trabalhadores portugueses.

A TAP defende que o custo desta renegociação é melhor do que continuar a suportar rendas muito superiores às do mercado e promete incorporar 25 a 30 trabalhadores da White na empresa que lhe irá suceder: a X Fly da Estónia.

Empresas

Mais Empresas

Patrocinados