Ex-bastonário dos médicos constituído arguido por suspeitas de peculato

21 jul, 21:49

José Manuel Silva, atual presidente da Câmara de Coimbra, foi constituído arguido no passado dia 15 de julho por suspeitas de peculato, sabe a TVI/CNN. Em causa está a cobrança indevida de ajudas de custo quando era bastonário da Ordem dos Médicos, cargo que exerceu entre 2011 e 2016. 

A investigação começou em 2019 e as buscas à sede da Ordem dos Médicos foram a 26 de Setembro desse ano. Mas o atual bastonário, Miguel Guimarães, garante que não foi a instituição a denunciar o caso às autoridades.

O ex-bastonário dos Médicos e atual presidente da Câmara de Coimbra diz que não tinha autonomia para ordenar qualquer pagamento.

País

Mais País

Patrocinados