Estes polícias ucranianos estão numa missão de vida ou de morte: retirar civis abrigados numa cave em Privilia

14 jun, 22:12

A Rússia anunciou que vai abrir um corredor humanitário em Severodonetsk, para permitir a retirada de civis que se encontram na fábrica Azot. No entanto, estas pessoas terão de seguir para território controlado pelos rebeldes separatistas.

Europa

Mais Europa

Patrocinados