Estado pagou 62 mil euros a inocente que esteve preso. Foi preciso uma ação de penhora

23 mar, 16:37

O Estado já pagou a indemnização de 62 mil euros a Armindo Castro, o cidadão que esteve preso durante 914 dias por um crime que não cometeu. Foi preciso uma ação de penhora para que o Estado cumprisse a sentença. 
 

País

Mais País

Patrocinados