Espanha: os seis envelopes com explosivos foram enviados de Valladolid

4 dez 2022, 12:20

A Polícia Nacional já conhece a origem das seis cartas com explosivos recebidas por vários organismos espanhóis: "Saíram da província de Valladolid, não se sabe se da cidade ou de outra localidade", explica a correspondente da CNN Portugal Patricia Villasante. "Provavelmente, as cartas foram colocadas em marcos do correio na rua, onde não há câmaras de videovigilância - o que torna complicado encontrar o responsável. As autoridades acreditam que foi uma só pessoa, uma vez que os endereços foram escritos à mão e a caligrafia de todos é semelhante", esclarece. Sabe-se ainda que os explosivos eram de fábrico caseiro.
As investigações prosseguem mas, para já, pensa-se que estes envelopes não têm qualquer relação com os "pacotes-sangrentos" recebidos por várias embaixadas ucranianas espalhadas pelo mundo, com restos de animais.

Europa

Mais Europa

Patrocinados