Entre 25 milhões de combatentes disponíveis, quem é que a Rússia vai chamar para combater na Ucrânia?

21 set, 20:19

Pouco depois da declaração à nação de Putin, foi emitida uma entrevista gravada com o ministro da Defesa russo. Sergei Shoigu explicou que a mobilização militar será feita por fases e irá abranger 300 mil reservistas, valor superior ao número de soldados no início da invasão que rondava os 200 mil.

Europa

Mais Europa

Patrocinados