Embaixadora da Ucrânia: "Situação é muito complicada. Existem perdas de vidas do lado ucraniano, inclusive de crianças"

24 fev 2022, 12:06

A embaixadora da Ucrânia em Portugal, Inna Ohnivets, deu uma entrevista exclusiva à CNN Portugal onde deu as mais recentes informações sobre a invasão russa ao território ucraniano. A diplomata esclareceu que, para já, ainda não se vive o pânico no país, mas que o número de baixas ucranianas já se estendeu à população civil, inclusive a crianças.

As forças armadas ucranianas foram preparadas para defender o território da Ucrânia, mas é necessário dizer que as tropas russas estão a lançar ataques de várias frentes”, afirmou Inna Ohnivets, que acrescentou que “a situação é muito complicada, existem perdas de vidas do lado ucraniano, inclusive de crianças e civis”.

Ohnivets sublinhou que o presidente ucraniano, Volodymyr Zelensky ordenou o exército e a população para “infligir o máximo de perdas ao agressor” e confirmou que mais de 50 soldados russos foram mortos e cinco aeronaves, dois helicópteros, dois tanques e vários veículos foram destruídos.

“As forças nacionais de defesa da Ucrânia, valendo-se do direito de legítima defesa estão rebatendo com dignidade das tentativas do inimigo de romper a fronteira do Estado. A situação está controlada. As tropas russas estão a sofrer perdas. Na área de operações das forças unidas, cinco aeronaves e dois helicópteros das forças aéreas russas foram baleados e dois tanques foram danificados. Vários camiões das forças armadas da federação russa foram destruídos”, sublinhou a embaixadora.

Europa

Mais Europa

Mais Vistos

Patrocinados