"É inadmissível". Foi assim que Jair Bolsonaro reagiu ao aborto de uma menina de 11 anos vítima de violação

24 jun, 22:11

Após várias semanas de indecisão, a Justiça brasileira autorizou a interrupção da gravidez de uma criança de 11 anos, vítima de violação. Mas o desfecho não agradou a Jair Bolsonaro, que disse ser "inadmissível" tirar a vida a um ser "indefeso".
 

Brasil

Mais Brasil

Patrocinados