"É compreensível que os ucranianos sintam alguma frustração com várias promessas de ajuda intemporal e sem limites"

23 fev, 09:40

Quase a completar dois anos de guerra, Tiago André Lopes, comentador da CNN Portugal, explica que é compreensível que "os ucranianos sintam alguma frustração com várias promessas de ajuda intemporal e sem limites" nesta "fase delicada".

Para além da falta de apoio e financiamento por parte de alguns países da União Europeia, o comentador relembra que o impasse dos EUA é outro problema: "Neste momento, o Congresso está em férias parlamentares e tão cedo não haverá novas votações para desbloquear o pacote de ajuda financeira que a Ucrânia tanto precisa."

Comentadores

Mais Comentadores

Mais Vistos

Patrocinados