Dez anos depois da morte de Kim Jong-il, a Coreia do Norte parou e curvou-se para prestar homenagem

18 dez 2021, 00:18

Passam dez anos sobre a morte de Kim Jong-il, o antigo líder da Coreia do Norte. O filho e sucessor, Kim Jong-un, presidiu às cerimónias em memória do pai. Que decorerram na capital, Pyongyang.

O país tem atravessado graves dificuldades por causa da pandemia e no horizonte, mais próximo não se afigura qualquer mudança política.

Ásia

Mais Ásia

Patrocinados