Da fuga a 12 de setembro à morte a 13 de maio. Assim foram os últimos meses e dias de João Rendeiro

13 mai 2022, 12:17

João Rendeiro faria 70 anos no dia 22 de maio, mas foi encontrado morto na prisão de Westville, em Durban, na Áfica do Sul. Os últimos dias do antigo homem forte do BPP não foram fáceis e começaram a 12 de setembro, dia em que escolheu fugir à justiça portuguesa.

Pelo caminho passou pelo Reino Unido, chegando à África do Sul no dia 18 de setembro. Disse que não queria regressar a Portugal e, a 22 de novembro, deu uma entrevista à CNN Portugal.

A 11 de dezembro foi detido, num hotel em Durban. A justiça sul-africana rejeitou o pedido de libertação feito pela defesa do ex-banqueiro e estava agora a aguardar o desfecho do processo de extradição para Portugal, quando foi encontrado morto na cela em que estava preso, na cadeia de Westville.

País

Mais País

Patrocinados