Cercar, cercar, cercar - a estratégia dos russos, que ganharam "novo ímpeto": a análise de um major-general português

27 mai, 12:47

A cidade do Lymen, pelo que vão divulgando as forças separatistas, nesta altura já é totalmente controlada pelas tropas russas. "Tem de facto um papel importante porque se enquadra no deslocamento das forças russas do norte para sul e no deslocamento que está a existir de sul para norte", explica o major-general Carlos Branco, explicando que o intuito é fazer um cerco total a Severodonetsk e Lysychansk

Comentadores

Mais Comentadores

Patrocinados