Capelão dos fuzileiros exonerado após criticar Gouveia e Melo

30 mar, 19:30

O capelão dos fuzileiros foi exonerado depois de ter criticado o Chefe do Estado-Maior da Armada, mas a Marinha está a ponderar readmiti-lo. Em causa estão declarações do capelão, depois de Gouveia e Melo ter dirigido palavras duras aos fuzileiros no caso da morte de um agente da PSP.

O capelão criticou, reuniu-se com Gouveia e Melo e acabou exonerado.

 

País

Mais País

Patrocinados