Caos no aeroporto de Lisboa: passageiros repatriados obrigados a pagar segundo teste à covid-19

5 dez 2021, 15:15

A chegada do primeiro voo de repatriamento de portugueses retidos em Moçambique ficou marcada por várias críticas. 

Desde logo, porque os passageiros foram obrigados a pagar por um segundo teste, à chegada, apesar de terem feito um outro antes de embarcarem. Os valores variavam entre os 85 e os 135 euros. 

O Governo disse que este procedimento "é normal".

Covid-19

Mais Covid-19

Patrocinados