Cantar Carneiros. As "insónias crónicas" de Agir deram um álbum que celebra as pequenas coisas do dia a dia

26 set, 08:15

O novo disco de Agir "é mais despido", descreve o músico Agir à CNN (do mesmo grupo da TVI). Pela primeira vez, não utiliza instrumentos eletrónicos e, também pela primeira vez, deixa passar os erros próprios de uma gravação quase à primeira. Agir queria que o disco fosse "mais verdadeiro do que perfeito".

O resultado é este "Cantar Carneiros", escrito na calma da noite, e que celebra o mundano do dia-a-dia que não deixa de ser "menos importante".

O álbum inclui duetos com Bárbara Tinoco, Milhanas, Tainá e a atriz Isabel Ruth.

Música

Mais Música

Patrocinados